fbpx

Doenças Comuns em Piscinas

Doenças Oculares e Respiratórias causadas por Produtos Químicos para Piscinas

Já falamos sobre como é que o ozono é uma solução ideal e livre de produtos químicos para o saneamento de piscinas e tratamento de água  aqui. Mas porque é que é tão importante ter um tratamento de água sem produtos químicos para piscinas? É devido ao risco de desenvolver uma doença ocular ou respiratória.

Leia o post abaixo e irá aprender uma nova maneira de cuidar da saúde da sua família.

O uso de cloro tornou-se muito popular para o tratamento de piscinas, tanto interiores como exteriores. No entanto, a falta de controle sobre as quantidades e frequência de aplicação faz com que a maioria das piscinas seja tratada com níveis de cloro muito superiores aos recomendados, causando doenças oculares e respiratórias.

Seja em busca de um tratamento mais eficiente ou mais rápido, as pessoas esquecem-se que o cloro é um produto químico altamente tóxico e muitas vezes abusam da quantidade e frequência da sua aplicação, causando danos à saúde, muitas vezes não detetados de imediato. O uso de cloro também requer um período de descanso e estabilização que muitas vezes não é respeitado.

A maioria das pessoas sensíveis apresenta sintomas imediatos, como olhos vermelhos e irritados, lacrimejamento, queimaduras ou mesmo pele vermelha e irritada. Uma publicação do CDC (Centro para Controle e Prevenção de Doenças) relata doenças oculares e respiratórias associadas ao uso de piscinas cobertas em Nebraska em 2006.

“A 26 de dezembro de 2006, o Departamento de Saúde e Serviços Humanos de Nebraska (NDHHS) recebeu um relatório de uma criança hospitalizada numa unidade de terapia intensiva por epiglotite química grave e laringotraqueobronquite após nadar numa piscina coberta de um motel. A piscina foi inspecionada no mesmo dia e imediatamente encerrada pelo NDHHS devido a várias violações do código de saúde do estado. O NDHHS iniciou uma investigação de surto para identificar casos adicionais e a causa da doença. Este relatório descreve os resultados dessa investigação, que indicou que 24 pessoas ficaram doentes, e o surto foi, provavelmente, o resultado da exposição a níveis tóxicos de cloraminas * (1,2) que se acumularam no ar no espaço fechado acima da piscina. Esse surto destaca os riscos potenciais à saúde da exposição a produtos químicos em piscinas mantidas inadequadamente e a necessidade para os operadores de piscina devidamente treinados manterem a qualidade da água. (…)
* Subprodutos da desinfecção formados quando o cloro livre, um desinfetante comum usado em piscinas, se combina com resíduos humanos nitrogenados (por exemplo, suor, urina ou fezes) na água da piscina. “

TABELA 1 – NÚMERO E PERCENTAGEM DE PESSOAS COM VÁRIOS SINTOMAS DE DOENÇA APÓS A EXPOSIÇÃO A UMA PISCINA INTERIOR DO MOTEL* – NEBRASKA, 2006

Sintomas

(%)

Incluídos na definição de caso

Olhos irritados

Garganta dorida

Olhos lacrimejantes

Tosse

Espirros

Interior do nariz irritado

Respiração ofegante

Aperto no peito

Falta de ar


22

20

19

19

18

13

11

7

5


(92)

(83)

(79)

(79)

(75)

(54)

(46)

(29)

(21)

Não incluídos na definição de caso
Dor de cabeça

Visão embaciada

Boca seca

Náusea

Diarreia

Vómitos

Quebras na pele

Febre

Cólica abdominal

Fotofobia


18

8

8

7

7

4

4

3

2

1


(75)

(33)

(33)

(29)

(29)

(17)

(17)

(13)

(8)

(4)

* Nº=24. Um total de 20 pessoas entraram na área imediata da piscina e adoeceram. Além disso, quatro pessoas que adoeceram não entraram na área imediata da piscina, mas entraram na área maior e fechada do pátio em que a piscina estava localizada.

TABELAL 2 – TEMPO ENTRE ENTRAR NA ÁREA IMEDIATA DA ENTRADA DA PISCINA INTERIOR DO MOTEL ATÉ AO COMEÇO DA DOENÇA** – NEBRASKA, 2006

Tempo (min)

(%)

< 120

≤ 29

30 – 59

60 – 89

90 – 119

≥ 120

14

3

4

1

6

6

(70)

(15)

(20)

(5)

(30)

(30)

** Um total de 20 pessoas entraram na área imediata da piscina e adoeceram. Além disso, quatro pessoas (não incluídas nesta tabela) que adoeceram não entraram na área imediata da piscina, mas entraram na área maior e fechada do pátio em que a piscina estava localizada.
Leia o artigo completo aqui.
Contact Us

We're not around right now. But you can send us an email and we'll get back to you, asap.

Not readable? Change text. captcha txt
0