fbpx

Aplicações para a Aquacultura

Ozono: um tratamento de água eficiente para a Aquacultura

Já considerou como pode o ozono melhorar a qualidade da água da aquacultura?

Aplicar ozono no tratamento da água da aquacultura é uma opção fantástica para manter um ambiente saudável no aquário sem deixar resíduos. Com um gerador de ozono, é possível ter um sistema de monitoramento da qualidade da água da aquacultura, durante o tratamento da água.

Então, como pode o ozono ser tão eficiente no tratamento da água do seu aquário? Leia mais abaixo!

Nos sistemas de recirculação de aquacultura (SRA), partículas como fezes de peixes, alimentos não consumidos, bactérias e algas podem causar diversos problemas, pois acabam por abrigar patógenos que irritam fisicamente os peixes e, após decomposição, liberam amónia e consomem oxigénio da água.

O uso de ozono no sistema de recirculação de água na aquacultura permite ao usuário de beneficiar de uma maior flexibilidade na seleção do local, uso reduzido de água, qualidade da água substancialmente melhorada e nível reduzido de doenças transmitidas pela água.

Fatores Físicos

  • Concentração e tempo

A eficácia da desinfeção aumenta com a concentração e a duração da exposição a um antibacteriano. Portanto, aumentar a duração e / ou concentração de ozono reduz a carga do patógeno, mas tem efeitos negativos sobre os animais, portanto, a concentração e a duração da exposição ao ozono devem ser estudadas caso a caso, variando de espécie para espécie.

  • Temperatura

Diretamente proporcional à taxa de uma reação química e capaz de acelerar a oxidação e, portanto, os efeitos do ozono ao longo de um determinado período de tempo e concentração.

Fatores Químicos

Qualidade da água e salinidade.

A natureza altamente reativa do ozono significa que se decompõe em radicais livres e outras espécies químicas derivadas do ozono, deixando o ozono dissolvido “residual”.

Contaminantes adicionais que reagem com o ozono, como partículas, carga total de carbono orgânico, bicarbonatos e carbonatos, contribuem para a ‘demanda de ozono’ de um sistema, competindo efetivamente pelo ozono e reduzindo a quantidade disponível para a inativação do patógeno, o que melhorará a fisiologia animal e crescimento.

Fatores Biológicos

  • Espécie e fase de vida

Dentro de grupos taxonómicos, espécies diferentes podem apresentar tolerâncias contrastantes ao ozono. O tratamento ideal com ozono também pode variar dentro de fases particulares da vida.

  • Tamanho do organismo

Espécies com maiores diâmetros de ovo apresentam melhor taxa de eclosão, após exposição ao ozono. No entanto, qualquer correlação entre tamanho e tolerância pode ser simplesmente uma coincidência ou estar relacionada às espécies.

  • Genética

O impacto das diferenças ambientais no fenótipo (tolerância ao ozono ou oxidantes) dentro das espécies, no entanto, diferenças genéticas (família ou ninhada) também podem ser um fator de influência.

Benefícios

  • Tem o poder de desinfeção que reduz a propagação de doenças;

  • Remove compostos orgânicos dissolvidos (DOC);

  • Permite a micro floculação e oxida a matéria orgânica;

  • Remove sólidos finos e desestabiliza partículas coloidais;

  • Remove nitratos;

  • Remove patógenos e compostos tóxicos;

  • Reduz o consumo de água aumentando a taxa de recirculação de água;

  • Melhora a eficiência do filtro biológico e das partículas;

  • Desinfeta a água;

  • Melhora a clareza e a qualidade da água;

  • Taxas de crescimento mais rápidas e com melhor desempenho;

  • Padrão de Controle Ambiental Superior ;

  • Não deixa resíduos nocivos;

  • Reduz sabores desagradáveis de peixes e frutos do mar;

  • Supera outros processos de tratamento.

Contact Us

We're not around right now. But you can send us an email and we'll get back to you, asap.

Not readable? Change text. captcha txt
0